Conhecendo a gastronomia funcional

pratos gastronomia funcionalPor Carolina Ferri Viesi Zibordi *

Na nutrição funcional procuramos manter ou reestabelecer o equilíbrio e o bem estar do organismo a partir de um diagnóstico, completamente individualizado, que nos diz como as células do corpo estão se relacionando com os nutrientes provenientes da alimentação. A partir disso, analisamos os sinais e sintomas de cada paciente e podemos, então, estabelecer a conduta de tratamento e reeducação alimentar.

Através dessa linha funcional, que hoje está totalmente avançada, surgiu também a chamada gastronomia funcional, visto que as orientações e cuidados com o preparo dos alimentos são diferenciados, pois exploramos muito bem alimentos que foram sendo esquecidos, ou que não são de costume.

De maneira geral na gastronomia funcional as funções nutricionais dos alimentos são levadas em conta em cada preparação. Tudo está sempre em equilíbrio quanto à classe dos alimentos como carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e minerais. Os pacientes aprendem realmente a se aventurar na cozinha com preparações práticas, muito saborosas e principalmente aprende sobre suas propriedades e como usá-los.

>>> Use o alimento a seu favor

Alimentos chave na nutrição e gastronomia funcional, hoje facilmente encontrados em lojas de produtos naturais, são as sementes como a linhaça e a chia, grãos como os de quinua e amaranto, frutos secos como a goiji berry e as mais comuns como tâmaras e damascos, farinhas de castanhas e grãos, farinhas provenientes do arroz, leite de vegetais, óleo de coco, cacau, fora todos os outros in natura como as hortaliças, leguminosas, raízes, os frutos, o próprio ovo orgânico, as oleaginosas, entre outros. Fora isso, temos de praxe a indicação do consumo diário de suco verde que tem como base a couve, sendo batida ou processada com maçã, cenoura, cheiro verde, inhame, gengibre, grão germinado e hortelã, por exemplo, que tanto faz bem a nossa saúde, desintoxicando e nutrindo o corpo.

Para quem não gosta de cozinhar e/ou não sabe, não desanime. Sempre indico aos meus pacientes que tentem ao menos iniciar um bom relacionamento com o preparo das suas próprias refeições, nem se for apenas no café da manhã. Isso dá um prazer enorme.

A ideia é simplificar e aos poucos você consegue ver o quanto é fácil acrescentar esses vários itens saudáveis em sua vida. Os restaurantes estãoNutricionista funcional Carolina Ferri Viezi Zibordipreocupados com a qualidade de suas refeições e já incluem no cardápio pratos balanceados. Além disso, em muitas cidades já encontramos serviços de entrega de refeições frescas ou congeladas, acompanhadas por um nutricionista, para caso de pessoas que não podem preparar as suas refeições, fora as lojas de produtos naturais que possuem um leque gigantesco de opções saudáveis.

Comer bem deve algo natural, assim como a respiração. Aos poucos você vai perceber o quão saboroso são os frutos que a terra nos oferece.

* Carolina Ferri Viesi Zibordi é nutricionista, especialista em Personal Diet, pós graduanda em Nutrição Clínica Funcional, membro da Sociedade Brasileira de Nutrição Funcional, associada ao Slow Food e membro do Slow Food Campinas.

Leia mais:

Gastronomia funcional: revolução alimentar sem perder sabor

Tags:, , , ,

Categorias: Comer sem culpa

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: